O Rio Parada Funk chega bem vivo em sua sétima edição

Matérias 2017/09/28

A cultura do baile funk já conquistou o mundo. No Brasil, mesmo com todas as controvérsias, o ritmo já tem status cultural e produz eventos de dar inveja em muita gente. Um desses eventos é o Rio Parada Funk, que está na sua sétima edição e, em 2017, será realizado na Praça da Apoteose no dia 1 de outubro. Mas o que é esse tal de Rio Parada Funk? Calma, o Portal KondZilla vai te dar o papo:

Autodenominado “o maior baile funk do mundo”, o Rio Parada Funk é um evento que celebra a cultura do funk carioca por meio das equipes de som. Foram as equipes do Rio de Janeiro que começaram com o movimento musical nos primórdios dos anos 80. De lá pra cá, muita coisa mudou, a internet surgiu e movimento se espalhou para o mundo, então a organização reúne em um espaço as equipes para relembrar essa história de mais de 30 anos. Neste ano, estarão presentes 11 equipes de som e mais de 200 artistas, entre DJs, MCs e convidados. Você pode conferir programação completa neste link.

Cada edição do Rio Parada Funk é uma edição única. Uma das edições foi no Aterro do Flamengo, outra nos Arcos da Lapa, e este ano as atenções estarão voltadas para a Praça da Apoteose, local do evento em 2014 e um dos maiores símbolos do samba e carnaval carioca.

A ideia desse “festival” surgiu em 2010, produzido pelo coletivo “Eu Amo Baile Funk“. Desde então, todo ano acontece uma edição nova. Em 2012, por decisão da câmara municipal do Rio de Janeiro, o evento entrou no calendário oficial da cidade maravilhosa, que celebra a festa todo 2º domingo do mês de setembro. Neste ano, por conta do Rock in Rio, o evento acontece no dia primeiro de outubro.

10620816_739586349440982_5062823178967897256_n

Trocamos uma ideia com um dos idealizadores e integrante do coletivo “Eu Amo Baile Funk”, Mateus Aragão. Ele nos explicou sobre as dificuldades para realizar esta edição, muito por conta do corte de verbas por parte da prefeitura, mas o organizador garantiu uma coisa: o Rio Parada Funk vai manter seu “padrão de qualidade”.

“Esse ano é uma prova da resistência, mesmo com todos os problemas, a crise, que afeta não só o poder público, o Rio Parada Funk vai acontecer. Esse ano teve a questão do Rock in Rio, e alteramos a data. Mas quem for ao evento pode ir tranquilo e levar a família que o funk vai ser bem representado”, disse.

Durante todo o mês de setembro, a equipe do Rio Parada Funk realizou alguns eventos pela capital carioca para divulgar a festa, como por exemplo o flash mobmaior passinho do mundo” e conferências de debates sobre temas envolvendo a cultura do funk carioca (este último contou com a cobertura do Portal KondZilla, saca só como foi o primeiro dia e o segundo dia). Essas promoções servem também para reforçar que o funk vai muito além da música, pois envolve dança, estética, debates musicais… enfim, uma cultura inteira.

O universo funk é gigantesco no Brasil, e o Rio Parada Funk é um evento que, tranquilamente, dá a dimensão da importância dessa cultura. Em 2017, a sétima edição do evento será realizada muito por conta da força de vontade dos seus organizadores e do público, que diante dos problemas não desistiram de se unir para realizar o maior baile funk do mundo. É claro que o Portal KondZilla estará presente e contará tudo o que rolou na Apoteose!

rpf

Serviço:
Rio Parada Funk 2017
Horário: 10h às 19h
Onde: Praça da Apoteose, Rio de Janeiro
Para participar, são três tipos de colaborações: R$10 (no dia), R$7 (antecipada) e doação 1kg de alimento.
Obs: lembrando que todas as colaborações devem ser feitas pela internet.

Leia Mais:
Saiba como foi o 1ª dia da Conferência do Rio Parada Funk 2017
Saiba como foi o 2º dia da conferência Rio Parada Funk 2017
Uma aula de baile funk com GrandMaster Raphael

Autor:
Redação

Comentários