A parceria rap-funk do MC Vinny e 1Kilo

Música 14/09/2018

Todas as fotos por: Felipe Max // Portal KondZilla

O MC Vinny se juntou com Lenzi e Pelé MilFlows, do 1Kilo e lançou uma parceria de rap e funk para somar na playlist da galera. “Tempo Perdido” é o fruto da união de três estados brasileiros na música: MC Vinny, paulistano do Jd. Peri, Pelé Mil Flows trazendo suas rimas cariocas e Lenzi, de Curitiba. Quer saber mais sobre esse lançamento? Vem com o Portal Kondzilla que a gente te explica:

Se você pensa que esse é primeiro trabalho misturando funk com rap de Vinicius Rabello, mais conhecido como MC Vinny, aí que você se engana, meu parceiro. Em 2016, uma época de crescimento para o funk, ele lançou, Lipi e Rah SP, a faixa “Fatal“, um trap pesado produzido pelo DJ Perera, que se consagrou produzindo vários hits do funk.


O diretor Lucas Romor com o MC Vinny

O novo trabalho do MC Vinny tem essa mistura de funk com rap, contando com a participação de Pelé MilFlows e Lenzi, fortaleceram bastante a proposta dessa música. O videoclipe contou com a direção de Lucas Romor e com pitacos do Vinny. “A parte do começo, com as mina, é ideia minha, cada um com uma menina, a gente se lamentando. Passei pro Lucas [diretor] e ele direcionou tudo bonitinho”.


Lenzi


Pelé MilFlows

O videoclipe foi lançado no Canal KondZilla no dia 31 de agosto e, segundo Vinicius, o resultado foi sensacional, mas ele não se emociona. “Gostei bastante, acertaram muito na edição e nos efeitos. Não é que não estou criando expectativa, é que eu não gosto disso [expectativa]. Estou esperando as coisas acontecer e Deus por a mão e ver o que acontece”.

O MC tem lançado sons com uma variedade de beats e instrumentais, vivendo boa fase no funk paulistano. Juntando isso à parceria do funk com o rap, tendo nomes como Lenzi e PeléMilFlows, esse novo trabalho é um bom exemplo do grande momento que a música de periferia vive no Brasil. #ÉoRapÉoFunk

Acompanhe o MC Vinny pelas redes sociais:
Facebook // Instagram

Acompanhe a KondZilla pelas redes sociais:
Facebook // Instagram // Twitter // YouTube

Veja também:
Movimento trap-funk une os sons das periferias
Produtor de Rap e Funk, DJ Cuco conta sobre o começo das produções na Baixada

Comentários